Quem somos

Situado no cruzamento dos caminhos da universidade, da cultura não acadêmica e da psicanálise, o 17, Instituto de Estudios Críticos é um espaço de escrita: âmbito da construção e desconstrução de noções, formas e horizontes. O instituto intervém nos problemas desatendidos por outras instâncias, promove a pesquisa, o ensino e a difusão dos estudos críticos. Ao mesmo tempo, viabiliza intervenções culturais e oferece serviços de consultoria. Faz convergir o conjunto de suas facetas nas publicações que edita: www.diecisiete.org

Por que 17?

O nome próprio do Instituto, a cifra 17, lembra o chamado recíproco da crítica cultural e da psicanálise que aconteceu no contexto da Escola de Frankfurt antes da hecatombe alemã da década de 1930. Foram os pesquisadores sociais que atraíram pela primeira vez à sua cidade um pequeno grupo de psicanalistas e lhes abriram um lugar em seu edifício. O resultado dos seus intercâmbios foi um importante legado contra o totalitarismo. 17 era o número deste espaço que coabitaram. Destruído pela guerra, deste lugar sobraram somente os escritos ao que deu e ainda dará lugar.

Os Estudos críticos

Fruto das contribuições desses três mestres da suspeita, Sigmund Freud, Friedrich Nietzsche y Karl Marx, bem como dos seus legatários intelectuais contemporâneos, os estudos críticos se ocupam da vida social e cultural. Destacam-se pelo seu engajamento com o acontecer do seu tempo, bem como pelo seu caráter inter, trans, ou pos-disciplinar e sua orientação em relação aos três motivos principais: a subjetividade, a linguagem e a hegemonia. Não só se interessam de maneira inovadora por objetos do conhecimento herdados, como fazem o inventário crítico dos saberes ou práticas tradicionais e avançam em novas questões.

Áreas

Recentemente completamos o seguinte CV Institucional para expor nossas atividades desde 2001. O documento foi elaborado a pedido da autoridade educacional equatoriana, e por isso, a ênfase nesta apresentação dos nossos vínculos com Equador.

Ao longo dos últimos anos estabelecemos um número cada vez maior de áreas de trabalho, estas expressões abarcam a pós-graduação, extensão acadêmica, consultoria e a produção editorial do Instituto. Estas áreas são: Artes, dramaturgia e pensamento estético; Comunicação; Direito; Direitos Humanos; “Deficiência”; Ecologia, tecnologia e sociedade; Economia; Estudos em saúde e medicina; Estudos territoriais; Filosofia; Gênero; Gestão cultural; Gestão e pensamento organizacional; História e historiografia; Infâncias críticas; Literatura; Metodologia; Pedagogia; Pensamento político; Psicanálise; Teologia; Teoria crítica.

Os conteúdos cultivados pelo Instituto estão agrupados por áreas, e as estratégias em divisões dispostas da seguinte maneira:

  • Pesquisa: inovação e incentivo de novos desenvolvimentos epistêmicos.
  • Acadêmica: interface universitária, através de formações e programas com reconhecimento oficial. Ocupam-se da ampliação dos temas e problemas legitimamente abordáveis em termos acadêmicos.
  • Extensão: experiências não formais, parcialmente desinstitucionalizadas, de aprendizagem e transmissão de saberes. Pela sua mobilidade e flexibilidade tática, promove programas introdutórios, de atualização e capacitação, bem como propostas polêmicas e de ruptura, associadas com eixos temáticos do Instituto e suas diversas áreas.
  • Editora: publicação dos conteúdos decantados pelo Instituto, em diversos formatos e materialidades, através de suas próprias atividades e também a partir de suas relações com outras instâncias.
  • Consultoria: implementação concreta de saberes e iniciativas críticas na sociedade.

Direção
Benjamín Mayer Foulkes
direccion@17edu.org

Assistente de direção
Ana Luisa Méndez
coordinaciongeneral@17edu.org

Centro de Estudos Avançados
Conrado Tostado
avanzados@17edu.org

Coordenação de pesquisa
Beatriz Miranda Galarza
consultorsiete@17praxis.net  

Secretaria acadêmica
Noemí Flores
academica@17edu.org

Serviços escolares
serviciosescolares@17edu.org

Coordenação de extensão
Esaú Segura
extension@17edu.org

Coordenação editorial
Salomé Esper
proyectos@17edu.org

Coordenação do desenvolvimiento institucional em português
Ana Carolina Patto Manfredini
portugues@17edu.org

Conselho
Adauto Novaes
Edith Derdyk
Edson Luiz André de Sousa
Edu O.
Elida Tessler
Heloisa Buarque de Hollanda
Hélio Rebello Cardoso Jr.
Lucia Castello Branco
Luiz Orlandi
Reinaldo Bechler
Silvio Gallo
Sofía Olascoaga
Sylvie Debs
Vladimir Safatle

Centro de Estudos Avançados
Conrado Tostado
avanzados@17edu.org

Comunição institucional
Amalia Ospina
comunicacion@17edu.org

Administração
Alejandro Cervantes
finanzas@17edu.org

Contabilidade
Mario César Cedillo
contabilidad@17edu.org

Assessoria em estratégias informáticas
Alfonso Acosta
informatica@17edu.org

Apoio Técnico
José Juan Vázquez
sysadmin@17edu.org

Comentários e sugestões
info@17edu.org

Apoio logístico
Javier Gualito

Coordenação do Certificado em Teoria Crítica
Guillermo Pereyra

Coordenação de Estudos em “Deficiência
Beatriz Miranda Galarza

Coordenação de “gênero”
genero@17edu.org

Coordenação de Estudos sobre Teatro
Fernanda Del Monte

Coordenação de gestão e pensamento organizacional
Ruud Kaulingfreks

Evgen Bavcar
Pesquisador emérito e Diretor fundador do Laboratorio de lo invisible
evgen.bavcar@wanadoo.fr
evgen.bavcar@guest.arnes.si

Aldo Trucchio, Université de Genève
Pesquisador associado
aldo.trucchio@unige.ch

Brían Hanrahan
Pesquisador associado
investigacionhanrahan@17edu.org

Conrado Tostado
Pesquisador-curador associado
investigaciontostado@17edu.org