Espaço da escrita

No 17, Instituto de Estudos Críticos concebemos o trabalho online como um trabalho voltado à escrita. Isso propõe uma concepção de ensino bastante distinta da modalidade presencial. Desde o começo nos comprometemos com o ato de escrever, e por tanto, usamos a internet como um dispositivo de escrita. Não se trata de usá-la como meio de telecomunicação, e menos ainda de uma tentativa de reproduzir uma aula presencial virtualmente, ou seja, de substituir o virtual pelo presencial. Trata-se de outra função, outro uso do espaço virtual.

As mais úteis e agudas perspectivas teóricas, críticas e analíticas contemporâneas do legado intelectual, onde nos situamos, pertencem ao âmbito literário, filosófico, estético, político ou psicanalítico. Esses campos do conhecimento cultivam reflexões sobre a escrita, as quais compreendemos como cruciais ao nosso pensamento e nossa prática. Por isso, concebemos o Instituto como um espaço de escrita, que implica mais em uma experiência, que em um ideário.

Comunidade epistolar

Desarrollamos todas nuestras actividades en nuestra Máquina de escribir. Ésta se basa en Moodle, una aplicación informática de código abierto utilizada ampliamente en México y en todo el mundo. Es posible acceder desde cualquier parte del mundo a la Máquina de escribir a través del portal del Instituto: www.17edu.org

Sobre a dinâmica de trabalho:

Os inscritos e o docente de cada atividade online participam em um mesmo fórum virtual. Cada pessoa entra no fórum para escrever seus comentários e ler o que os demais comentam. Não se trata de um trabalho desenvolvido de maneira síncrona, e sim  assincróna: as sessões de trabalho não ocorrem em tempo real, nem em um horário fixo. Os discentes e o orientador possuem a liberdade para ajustar seus horários de participação de acordo com a conveniência de cada um. A escrita produzida fica arquivada no fórum, seja as intervenções ou, os ensaios ou trabalhos produzidos. Costumamos chamar a dinâmica dos fóruns de um intercâmbio epistolar que se desenvolve diariamente entre um coletivo. Em alguns casos, os docentes enriquecem seus espaços de trabalho acrescentando outros recursos organizativos e digitais.

Os intercâmbios e as discussões se estendem por uma semana, de segunda a domingo, tempo que usualmente se propõe para trabalhar uma unidade temática, uma leitura, uma problemática. Nesse período os estudantes devem realizar a leitura dos respectivos textos, ponto de partida para a discussão que ocorrerá no fórum. Quando o ritmo é quinzenal, a leitura é feita na primeira semana e na segunda se discute o texto. Ler e escrever costumam ser hábitos elucidativos e de grande utilidade.

No início de cada semana o professor disponibiliza uma leitura e introduz a problemática a ser discutida. Estabelece-se assim, a dinâmica de trabalho da semana. O docente participa ativamente do fórum, fazendo um intercâmbio constante com os participantes, mediando dúvidas, esclarecendo conceitos, problemas, etc. Pensamos que é importante que os comentários do orientador possam colocá-lo em uma posição de autor. Essa é uma das grandes virtudes do trabalho virtual: revela a função autoral que existe de maneira latente em qualquer interlocutor intelectual ou criativo. A escrita atualiza tal autoría.

Perguntas frequentes

Qu tipo de computador e programa é preciso para participar?

As necessidades tecnológicas são básicas: é possível participar desde um café que tenha internet, desde uma lan house. Você precisa de um computador, uma boa conexão, um navegador e do pacote básico de programas para escrever e ver imagens (Office, iWorks, Open Office, Acrobat Reader):

  • O computador pode ser de escritório ou portátil, PC ou Mac;
  • A conexão é imprescindível, com a maior banda larga possível;
  • Recomendamos o navegador Mozilla Firefox, pois é o mais adaptado às necessidades técnicas de nossos sistemas; mas é possível usar também: Explorer, Safari, Google Chrome e otros;
  • Os formatos de documento mais usados são: documentos word (.doc, .rtf, .docx), apresentações de Power Point (.ppt), assim como arquivos de imagens (.jpg) e arquivos editoriais (.pdf).

Como eu entro à Máquina de escrever?

O acesso à máquina de escrever se dá através da página do Instituto. Também é possível entrar diretamente: https://mdescribir.182.17edu.org

O nome do usuário e a senha para acessar a plataforma são enviados a cada estudante pelo administrador encarregado do curso, antes do inicio do mesmo. Se for o primeiro acesso, será enviado um guía rápido de entrada à Máquina de escrever. Antes do início de qualquer curso recomendamos experimentar as funções digitais da plataforma disponível para cada usuário. Em caso de problemas técnicos, fornecemos suporte por email: webmaster@17edu.org

Como se entregam os materiais que serão usados nos cursos online?

Todos os recursos dos seminários online, textos ou imagens, estarão disponíveis para baixar na plataforma.

Como serão avaliados os cursos online?

Depende do tipo de curso. No caso dos seminários de extensão acadêmica, os professores avaliam segundo seus próprios métodos e critérios. Os alunos serão avisados no começo de cada curso sobre a forma de trabalho e de avaliação que deverão seguir. No caso dos certificados oferecidos online, a avaliação é feita através de ensaios que são lidos por leitores externos (conhecedores do tema que não foram docentes dos alunos avaliados). Os programas da pós-graduação têm seus próprios métodos de avaliação: requerem a entrega dos controles de leitura e ensaios. Na etapa final dos estudos, as disciplinas cursadas são apreciadas mediante a escrita de textos críticos, os quais são revisados por avaliadores externos. Obviamente os projetos finais de mestrado, as teses de doutorado e os frutos das estâncias pós-doutorais são examinados através das feituras ao longo do percurso que culmina com os exames de graduação.

Quanto tempo tenho que dedicar por semana ao trabalho online?

Isso varia. Obviamente devemos levar em conta a disponibilidade dos participantes, no entanto, recomendamos uma média de 10 horas por semana, entre a leitura e a escrita. Não é obrigatório entrar diariamente no fórum, mas é recomendável estar a par da evolução das discussões, nele estabelecida, pelos demais companheiros. A participação regular é imprescindível para obter qualquer certificado ou documento que comprove a participação em tal atividade. Os estudantes da pós-graduação se dedicam aos estudos durante, pelo menos, 20 horas semanais.